Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2012
Imagem
escraviza meu sexo deixando-o em carne viva suga meus seios com tua boca carnuda e faminta torna-me eterna bandida vadia presa das tuas loucas e cruéis fantasias numa dança ritimada sem hora para acabar
Imagem
Desejo                                                                   que venhas logo                                                              tesudo e  arrebatador                                                                   para me arrepiar
                                                                         a pele                                                                                                                                                                       
                                                            ensandecer meu corpo                                                                e adormecer extasiado                                                           entre as minhas pernas bambas                                                                 depois de tanto amor
Imagem
Eu quero um amor que me faça ficar horas olhando pra ele. Escutando suas histórias. Eu quero um amor simples. Ou a simplicidade de um amor. Um amor espontâneo. Sem exageros estilísticos, sem caras e bocas. Que mexa com os meus sentidos. Que faça o meu coração bater mais rápido. Faça o meu corpo tremer de desejo. Quero um amor que me faça sonhar e acreditar que a vida pode ser melhor, muito melhor. Eu quero um amor moreno. De sorriso fácil. Palavras doces. Que venha com o coração aberto. Sacana. Sem receio. Inteiro. Verdadeiro pra mim. Quero tudo o que o amor pode me dar . Encontros.  Ausência. Saudade. Quero me sentir pisando em estrelas. Olhando a lua.  Peito apertado. Falta de ar. Respiração ofegante. Sensação de peso na cabeça. Trilha sonora . Tarde de chuva. Por do sol. O lado bom. O lado ruim. Dias de sol. Dias nublados. Vinho derramado no carpete. Lenços de papel pelo chão.  Desencontros. Ligações fora de hora. Surpresas. Recadinhos. E depois, mesmo consumida, poder dizer que va…